DIU de Cobre

Publicado em 31/05/2019 por

 

Como funciona o DIU de cobre?

Este DIU é revestido por um fio ou cilindros de cobre e colocado dentro do útero por um médico ginecologista e pode ficar por até 10 anos. Sua funcionalidade está na liberação de íons de cobre que impedem a mobilidade do esperma ao redor do útero. Dessa forma, raramente, um espermatozoide consegue passar por essa “barreira”, e caso passe, o cobre também impossibilita que o óvulo seja fecundado e altera sua movimentação pelas trompas. Quando o desejo é uma prevenção permanente e reversível, o DIU é o meio mais indicado.

 

Mesmo tendo a durabilidade de anos, o dispositivo pode ser retirado a qualquer momento. E, por mais que seja um contraceptivo forte, o efeito passa rapidamente após a retirada e é possível engravidar tão rápido quanto outras mulheres que não o utilizaram.

 

Toda mulher pode usar o DIU de cobre?

Mesmo com uma funcionalidade prática e eficaz, o DIU de cobre não é um método conveniente para toda e qualquer mulher. Por isso, se você tem interesse em colocá-lo, é muito importante que converse primeiro com um médico ginecologista para ter certeza se este é o método contraceptivo adequado para você, de acordo com o seu histórico.

 

Quando colocar o DIU?

As dúvidas também surgem quando se deseja saber qual o melhor momento para iniciar o método escolhido. E, assim como no uso das pílulas, o DIU também tem uma indicação de tempo adequado para ser introduzido. Não é regra, mas é preferível que seja colocado durante o período menstrual porque é quando o colo do útero está mais dilatado e quando há menor probabilidade de engravidar.